26 dezembro, 2007

Agradecimentos, Celebrações e Desejos...

Ao Rui Matos, pela sua referência... mas sobretudo por aquilo que escreve naquele seu Macroscópio e, principalmente, por nos proporcionar esta partilha de sentimentos, reflexões e raivas...

Obrigado!






A quantos (não dá para enunciar todos aqui) nos elegeram como alvo e destino das suas mensagens de natal e dos desejos de felicidade para o ano que aí vem.

Mas, sobretudo, aos frequentadores (assíduos ou ocasionais) deste nosso Café Portugal: os que nos trouxeram palavras de sugestão ou elogio, os que fizeram o favor de passar a incluir nos seus blogues uma ligação para este, mas também os outros que (verberando ou criticando algumas das nossas opções) também nos ajudaram a alargar a clientela de um Café sempre aberto e sempre à espera de quem por bem, vem.
Um Café Portugal com balcões para todas as terras que têm a língua portuguesa como seu instrumento de expressão.

Bem Hajam!
FAÇAM uma Ano Novo feliz!

24 dezembro, 2007

Com desejos de bom Natal e melhor 2008


No epicentro do sonho me concentro
com o sentimento sustentado
de quem parte por querer partir
mesmo não chegando a nenhum lado.


Não há aventura
sem loucura e sem ternura

- é a viagem que importa
o resto é letra morta.


Praia, Cabo Verde, Dezembro 2007

Nuno Rebocho

22 dezembro, 2007

Subir o Douro e Mergulhar Alijó (9)

E para as despedidas...
a Quinta do Silval
IR PARA O PRINCÍPIO

A Aventura no Douro estava quase a chegar ao fim. Mas a recta final havia de demonstrar-se esplendorosa de vistas e paisagem

Para o almoço de despedida tinha sido prometida uma Quinta do Douro. Foi na Quinta do Silval, unidade de produção vínica mas também excelente unidade de alojamento. Uma localização ímpar.

A casa incrustava-se nos socalcos, como se deles fosse. E era ainda a vindima...
Um almoço de conversas animadas
a que não escapou o Presidente da Câmara...
O Eng. Carlos Magalhães desvendou a Quinta, o autarca de Alijó sonhou Douro...
Era já tempo de viagem de volta. Apenas uma última paragem no cais do Pinhão...
Uma rápida espreitadela aos jardins do Vintage House Hotel e ala para o Porto!

Fotos: Antunes Amor (direitos reservados)
Clique sobre elas para ampliar

21 dezembro, 2007

Entre os melhores???

Do Claro e do Inteligência Competitiva
uma inesperada distinção para o Café Portugal.

Não conhecíamos
a categoria de Viajante...
Mas não é que assenta que nem uma luva à actividade que, entre balcão e mesas... desenvolvemos aqui no estabelecimento!!!

Agradecemos, desvanecidos.

Os Melhores Blogs
de 2007

na perspectiva do CLARO e do Inteligência Competitiva

Inovação:Janela na Web
Reflexivo:Tempo que Passa
Design:Vida das Coisas
Inteligência
Competitiva:
Pharma & CI
Viajante: Café Portugal
Diáspora: Pitigrili
Académico
Arejado:
Macro
De Debate: Nal-Blog
Literário:A origem
das Espécies

14 dezembro, 2007

Alto Douro Vinhateiro: o "puzzle", o xisto, o rio e o embaixador...

Café Portugal -PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Escanção(...) o concelho de Alijó forma um "puzzle" que ajuda a estabelecer o grande e maravilhoso território do Alto Douro Vinhateiro, Património da Humanidade.

A afirmação é do Santos Mota e integra o texto da reportagem que aquele jornalista assina no número de Dezembro da Revista O Escanção.

Aí se contam as aventuras do PASSEIO DE JORNALISTAS Douro adentro.

Saboreie imagens e texto
em versão integral.


DOURO procura os caminhos da modernidade (6)

Em honra das cozinhas e adegasIr para o princípio

Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó
E ali os proprietários juntaram à função vitivinícola uma unidade hoteleira em que apenas se experimenta a amesendação de um almoço – sem muito de relevante, mas com um cabrito bastante agradável. E a prova de vinhos da casa, com um Magalhães – homenagem onomástica ao proprietário – de se lhe tirar o chapéu e que vai quase todo para palatos estrangeiros. Isto dito e feito sobre uma paisagem sem adjectivos.
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó

E ainda no domínio da gastronomia duas outras experiências de boa memória: (mais) um cabrito no restaurante “Sabores do Douro, no Pinhão, e um bacalhau sem muito de relevante na feitura mas de aprazível resultado final, até pela boa qualidade da matéria-prima. E, neste almoço, um “vinho fino”, como por aqui se chama às colheitas particulares, sempre elogiadas muitas vezes com total mérito. Foi o caso, a lembrar.
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em AlijóE, já agora, uma nota para uma carne maronesa passada pela grelha com umas migas de batatas e grelos, coisa simples, regada com bom azeite da região. E a simplicidade é tudo, a grandeza dos bons produtos, o bom gosto da execução na pousada do Barão de Forrester.

Ainda poderá dizer-se que o turista nada tem para fazer? E a caça, e a pesca, e os grandes passeios campestres e as vindimas e as pisas do vinho na época própria? Ora toca a dar largas à imaginação: se calhar há muito para atrair turistas. Ou os viajantes são todos iguais aos que insistem nos algarves por esse mundo?


Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó

PS -

A dificuldade que foi, caramba, mobilizar uma bola de carne para regalar cá por Lisboa. À primeira manhã, logo em Alijó, um exemplar como que fazia as honras da casa. Mas não era para quaisquer dentes: 1ª, era feita de encomenda; 2ª, o recheio era bacon e fiambre, valha-nos tudo quanto a tradição exige!; 3º, na manhã seguinte, dominga-se.

Outras tentativas quase desesperadas não lograram resultados. Ninguém conseguia pôr-nos no rasto de uma bolazita. Por fim, in extremis, paragem em Favaios, no coração do festival das aldeias vinhateiras, e lá estava uma padaria. Mas a bola não tinha prioridade: estava remetida para um lugar discreto, não visível. Mas com a ajuda do acaso a coisa compôs-se. Ah, e não era má de todo, mas melhor fora se o recheio fosse de sardinha. Mas não, tinha aves (com promessa de perdiz, viste-la?), chouriço e bacon/toucinho no sal.

A modorra dos tempos e dos locais mata a dinâmica, amolece a memória, dilui a ambição. Ou exactamente o contrário…


Fotos: Antunes Amor (direitos reservados)
Clique sobre elas para ampliar


Viaje por Alijó com o PASSEIO DE JORNALISTAS

Subir o Douro e Mergulhar Alijó (8)

Perafita, Anta da Fonte Coberta, Pegarinhos, Favaios...

IR PARA O PRINCÍPIO

Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Pousada Barão de Forrester
Pousada Barão de Forrester, Quartel General para todas as surtidas Douro adentro...
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Pousada Barão de Forrester
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Pousada Barão de ForresterCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Pousada Barão de Forrester
Ás mãos que derreteram xisto, fizeram socalcos, construiram Douro...
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó
Na descoberta de Perafita, calcorreear ruas, conhecer casas e gentes.
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PerafitaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PerafitaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Perafita
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PerafitaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PerafitaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Perafita
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Perafita
A igreja, a torre sineira, o balcão, o relógio de sol, a Caza dos Milagres...
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Perafita
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Perafita
<empty>Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PerafitaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PerafitaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Perafita
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PerafitaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PerafitaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Perafita
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Perafita
Igrejas ruelas e fontes de Perafita já para trás... Anta da Fonte Coberta à vista!
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Anta da Fonte CobertaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Anta da Fonte Coberta
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Anta da Fonte CobertaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Anta da Fonte CobertaCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Anta da Fonte Coberta
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Pegarinhos
Até Pegarinhos, que Lopes Graça cantou, em busca das Pinturas rupestres...
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Pegarinhos
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PegarinhosCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PegarinhosCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Pegarinhos
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - PegarinhosCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Pegarinhos
A Presidente da Junta, uma "força da natureza", inventou os todo o terreno.
A vila de Favaios, vive uma fase de profundas obras de requalificação urbana...
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - FavaiosCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Favaios
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - FavaiosCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Favaios
Em fim de vindimas,
era o Festival das Aldeias Vinhateiras.
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - FavaiosCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - FavaiosCafé Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Favaios
Aqui será o Museu do Pão e do vinho.
O presidente da Câmara fez a apresentação...
Café Portugal - PASSEIO DE JORNALISTAS em Alijó - Favaios

Um museu com varanda para o planalto e para as vinhas do Moscatel de Favaios.
Fotos: Antunes Amor (direitos reservados)
Clique sobre elas para ampliar
Ver continuação